Botão Google Seguir

Botão Google Mais

Botão facebook

Botão Twitter Seguir

Botão Twitter Compartilhar

Seguidores

Translate

Total de visualizações de página

Digital clock

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

terça-feira, 17 de outubro de 2017

A Leitura

Caro Leitor(a),

A leitura é um dos melhores meios para expandir a memória.


1) Moderno Dicionário de Economia - 742 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa voltada para os termos da velha e a nova Economia e demais áreas correlacionadas.

No intuito de enriquecer o conteúdo deste “Moderno Dicionário de Economia”, faz parte desta obra, os termos voltados para a Globalização, Crises Financeiras, Bolsa de Valores, Petróleo e outros. Esta primeira edição é composta de 2.300 verbetes. O dicionário foi escrito no ano 2000.

2) Petróleo e Gás Natural - 680 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa e o conhecimento sobre  o Petróleo e Gás Natural, bem como suas aplicações para o consumo.

No intuito de enriquecer o conteúdo, faz parte desta obra: A História do Petróleo, O Petróleo no Mercado Brasileiro e Internacional, O Gás Natural, Os Dutos no Brasil, A Organização dos Países Exportadores de Petróleo e o Fundo Monetário Internacional no Mercado de Petróleo, Estatísticas de Produção e Reservas Mundiais de Petróleo e Gás Natural, Cronologia do Petróleo, Glossário de Termos Técnicos, Glossário de Termos Geológicos e muito mais.

O livro foi escrito no ano 2003. Tem grande importância para os profissionais, estudantes e todas as pessoas interessadas no conhecimento sobre os importantes recursos naturais de nosso planeta que poucos conhecem a sua origem e suas aplicações.

3) A Crise Financeira Internacional na Era da Globalização - 349 páginas

Quando estourou a crise asiática no dia 23 de outubro de 1997 em Hong Kong, e a crise russa no dia 17 de agosto de 1998, noticiada pela mídia e pelos jornais de todo o mundo, como economista, despertou-me o interesse pelo assunto, e comecei a fazer o acompanhamento diário dos problemas econômicos e financeiros que abalou os países ricos e emergentes.

A preparação deste livro está baseada na extração dos fatos históricos mais importantes que aconteceram durante a trajetória das crises, no período entre de outubro/97 e janeiro/99. O livro foi escrito no ano 2000.

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa em cima dos fatos ocorridos durante a trajetória das crises, registrando as influências nos “mercados de ações”  no mundo globalizado, bem como as conseqüências diretas nos países ricos e emergentes.
É uma obra de fatos históricos nas áreas econômica e financeira, ocorridos no final do século 20, que servem como fontes de estudos, debates e conclusões entre os profissionais e estudantes da área.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, o exemplo prático de como acontece o ataque especulativo num determinado país; a Análise em relação às Bolsas de Valores, feita pelo economista canadense naturalizado americano, John Kenneth Galbraith; a Comparação entre as crises de 1929, 1987 e 1997; as Crises e os blocos econômicos; Perguntas e respostas sobre os aspectos econômicos na trajetória da crise financeira internacional; e o Glossário de economia.

4) Pesquisas Geográfica, Demográfica e Econômica-Social dos Continentes e Países - 772 páginas

O livro foi escrito no ano 2001. Tem como objetivo, a importância das pesquisas nas áreas geográficas, demográficas e econômica-social de cada continente e país, com informações de supra importância para estudantes secundários, universitários, e empresários com interesse na expansão dos seus negócios no comércio internacional.

É uma obra composta de várias estatísticas importantes e informações sobre a cronologia da crise financeira internacional que começou pela Ásia em 1997, os blocos econômicos e o meio ambiente.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, informações sobre as organizações internacionais que participam do desenvolvimento econômico de cada nação.

Você encontrará também outros excelentes Livros e E-books para  melhorar ainda mais os seus conhecimentos e cultura.

Boa Leitura!

Obrigado pela sua visita e volte sempre!

Hélio Cabral

heliocabral@coseno.com.br

quinta-feira, 5 de outubro de 2017

A Boa Leitura

Caro Leitor (a),


Ler todos os dias alimenta o nosso ego e nos traz uma satisfação muito grande após uma boa leitura, seja ela nos jornais, revistas e principalmente nos livros.



1) Moderno Dicionário de Economia - 742 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa voltada para os termos da velha e a nova Economia e demais áreas correlacionadas.

No intuito de enriquecer o conteúdo deste “Moderno Dicionário de Economia”, faz parte desta obra, os termos voltados para a Globalização, Crises Financeiras, Bolsa de Valores, Petróleo e outros. Esta primeira edição é composta de 2.300 verbetes. O dicionário foi escrito no ano 2000.

2) Petróleo e Gás Natural - 680 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa e o conhecimento sobre  o Petróleo e Gás Natural, bem como suas aplicações para o consumo.

No intuito de enriquecer o conteúdo, faz parte desta obra: A História do Petróleo, O Petróleo no Mercado Brasileiro e Internacional, O Gás Natural, Os Dutos no Brasil, A Organização dos Países Exportadores de Petróleo e o Fundo Monetário Internacional no Mercado de Petróleo, Estatísticas de Produção e Reservas Mundiais de Petróleo e Gás Natural, Cronologia do Petróleo, Glossário de Termos Técnicos, Glossário de Termos Geológicos e muito mais.

O livro foi escrito no ano 2003. Tem grande importância para os profissionais, estudantes e todas as pessoas interessadas no conhecimento sobre os importantes recursos naturais de nosso planeta que poucos conhecem a sua origem e suas aplicações.

3) A Crise Financeira Internacional na Era da Globalização - 349 páginas

Quando estourou a crise asiática no dia 23 de outubro de 1997 em Hong Kong, e a crise russa no dia 17 de agosto de 1998, noticiada pela mídia e pelos jornais de todo o mundo, como economista, despertou-me o interesse pelo assunto, e comecei a fazer o acompanhamento diário dos problemas econômicos e financeiros que abalou os países ricos e emergentes.

A preparação deste livro está baseada na extração dos fatos históricos mais importantes que aconteceram durante a trajetória das crises, no período entre de outubro/97 e janeiro/99. O livro foi escrito no ano 2000.

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa em cima dos fatos ocorridos durante a trajetória das crises, registrando as influências nos “mercados de ações”  no mundo globalizado, bem como as conseqüências diretas nos países ricos e emergentes.
É uma obra de fatos históricos nas áreas econômica e financeira, ocorridos no final do século 20, que servem como fontes de estudos, debates e conclusões entre os profissionais e estudantes da área.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, o exemplo prático de como acontece o ataque especulativo num determinado país; a Análise em relação às Bolsas de Valores, feita pelo economista canadense naturalizado americano, John Kenneth Galbraith; a Comparação entre as crises de 1929, 1987 e 1997; as Crises e os blocos econômicos; Perguntas e respostas sobre os aspectos econômicos na trajetória da crise financeira internacional; e o Glossário de economia.

4) Pesquisas Geográfica, Demográfica e Econômica-Social dos Continentes e Países - 772 páginas

O livro foi escrito no ano 2001. Tem como objetivo, a importância das pesquisas nas áreas geográficas, demográficas e econômica-social de cada continente e país, com informações de supra importância para estudantes secundários, universitários, e empresários com interesse na expansão dos seus negócios no comércio internacional.

É uma obra composta de várias estatísticas importantes e informações sobre a cronologia da crise financeira internacional que começou pela Ásia em 1997, os blocos econômicos e o meio ambiente.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, informações sobre as organizações internacionais que participam do desenvolvimento econômico de cada nação.

Você encontrará também outros excelentes Livros e E-books para  melhorar ainda mais os seus conhecimentos e cultura.

Boa Leitura!

Obrigado pela sua visita e volte sempre!

Hélio Cabral

heliocabral@coseno.com.br

terça-feira, 26 de setembro de 2017

A Importância de estar sempre lendo

Caro Leitor(a),

É conhecido que o hábito da leitura pode nos trazer vários benefícios importantes para nosso desenvolvimento pessoal, portanto, deve-se considerar a leitura como uma das mais importantes tarefas e ter consciência de sua necessidade e praticar.

Lendo, você pode expandir seu conhecimento sobre vários conteúdos e com isso, você expande sua capacidade de compreensão e se torna capaz de ter assuntos diferentes às conversas.


1) Moderno Dicionário de Economia - 742 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa voltada para os termos da velha e a nova Economia e demais áreas correlacionadas.

No intuito de enriquecer o conteúdo deste “Moderno Dicionário de Economia”, faz parte desta obra, os termos voltados para a Globalização, Crises Financeiras, Bolsa de Valores, Petróleo e outros. Esta primeira edição é composta de 2.300 verbetes. O dicionário foi escrito no ano 2000.

2) Petróleo e Gás Natural - 680 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa e o conhecimento sobre  o Petróleo e Gás Natural, bem como suas aplicações para o consumo.

No intuito de enriquecer o conteúdo, faz parte desta obra: A História do Petróleo, O Petróleo no Mercado Brasileiro e Internacional, O Gás Natural, Os Dutos no Brasil, A Organização dos Países Exportadores de Petróleo e o Fundo Monetário Internacional no Mercado de Petróleo, Estatísticas de Produção e Reservas Mundiais de Petróleo e Gás Natural, Cronologia do Petróleo, Glossário de Termos Técnicos, Glossário de Termos Geológicos e muito mais.

O livro foi escrito no ano 2003. Tem grande importância para os profissionais, estudantes e todas as pessoas interessadas no conhecimento sobre os importantes recursos naturais de nosso planeta que poucos conhecem a sua origem e suas aplicações.

3) A Crise Financeira Internacional na Era da Globalização - 349 páginas

Quando estourou a crise asiática no dia 23 de outubro de 1997 em Hong Kong, e a crise russa no dia 17 de agosto de 1998, noticiada pela mídia e pelos jornais de todo o mundo, como economista, despertou-me o interesse pelo assunto, e comecei a fazer o acompanhamento diário dos problemas econômicos e financeiros que abalou os países ricos e emergentes.

A preparação deste livro está baseada na extração dos fatos históricos mais importantes que aconteceram durante a trajetória das crises, no período entre de outubro/97 e janeiro/99. O livro foi escrito no ano 2000.

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa em cima dos fatos ocorridos durante a trajetória das crises, registrando as influências nos “mercados de ações”  no mundo globalizado, bem como as conseqüências diretas nos países ricos e emergentes.
É uma obra de fatos históricos nas áreas econômica e financeira, ocorridos no final do século 20, que servem como fontes de estudos, debates e conclusões entre os profissionais e estudantes da área.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, o exemplo prático de como acontece o ataque especulativo num determinado país; a Análise em relação às Bolsas de Valores, feita pelo economista canadense naturalizado americano, John Kenneth Galbraith; a Comparação entre as crises de 1929, 1987 e 1997; as Crises e os blocos econômicos; Perguntas e respostas sobre os aspectos econômicos na trajetória da crise financeira internacional; e o Glossário de economia.

4) Pesquisas Geográfica, Demográfica e Econômica-Social dos Continentes e Países - 772 páginas

O livro foi escrito no ano 2001. Tem como objetivo, a importância das pesquisas nas áreas geográficas, demográficas e econômica-social de cada continente e país, com informações de supra importância para estudantes secundários, universitários, e empresários com interesse na expansão dos seus negócios no comércio internacional.

É uma obra composta de várias estatísticas importantes e informações sobre a cronologia da crise financeira internacional que começou pela Ásia em 1997, os blocos econômicos e o meio ambiente.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, informações sobre as organizações internacionais que participam do desenvolvimento econômico de cada nação.

Você encontrará também outros excelentes Livros e E-books para  melhorar ainda mais os seus conhecimentos e cultura.

Boa Leitura!

Obrigado pela sua visita e volte sempre!

Hélio Cabral

heliocabral@coseno.com.br

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

Saúde - Leitura: estímulo para o cérebro, benefícios para o homem

Caro Leitor(a),

O hábito da leitura é uma prática de saúde, pois sensibiliza para a abertura e percepção de outras realidades e possibilita vários efeitos positivos para a vida.
Ler, hábito sadio que estimula a criatividade, enriquece o vocabulário, possibilita ao leitor mais argumentos para interagir, quer seja com amigos, familiares ou profissionalmente, pois a leitura traz informação e informação gera conhecimento. Este é o maior bem que uma pessoa pode ter.
O conhecimento é atemporal, sempre há algo novo surgindo, relacionado com o passado ou não, está ao alcance de todos, independente de idade, credos ou raça. É a formação do homem, um potencial que, quando adquirido e colocado em prática, não pode ser tirado. Coloca, o homem, em um mundo constante de transformação e ao qual ele deve se adaptar.
Mas, para muitas pessoas, isso não acontece da forma simples e saudável, como deveria. É que nelas não foi incutido o prazer pela leitura desde pequenas. Estudos mostram que ainda no útero materno, o feto já responde a estímulos como ouvir uma música, conversas, troca de carinho e quando os pais leem para eles. Pode-se dizer que aí começa seu estímulo à leitura e que este deve ser alimentado durante sua infância, para que este ser se torne um leitor ativo na fase adulta.
A leitura não é apenas a decodificação dos símbolos e sua relação com o som. Ler é apreender a informação, tendo a compreensão do texto e sendo capaz de fazer uma análise do mesmo. Quando isto não acontece, a leitura deixa de ter seu aspecto prazeroso, interessante e motivador, porque o leitor não consegue retratar o que leu, apenas decodificou a escrita e não entendeu o conteúdo, o que o autor quis passar.
A leitura leva o homem a um mundo de infindáveis possibilidades. É uma viagem conduzida por sua mente, onde ele sonha, imagina, passa a conhecer e criar. Nela, há um movimento de integração entre as pessoas com o mundo e com elas próprias e, com isso, a leitura passa a exercer uma função social, pois permite, ao homem, uma percepção maior do mundo. Histórias, narrativas, documentários e outros textos possibilitam-lhe o contato e a descoberta de lugares, acontecimentos, culturas, mundos e modos de ser diferentes do seu. Isso o fortalece em sua autoestima.
Mas não é somente este o benefício da leitura. Talvez, seu maior benefício esteja em sua influência na saúde física, emocional, mental e espiritual do homem, porque ler não é algo passivo. É necessário, para que haja a compreensão, uma integração entre a escrita e o cérebro que recebe, processa, analisa a informação e retém somente o que é de seu interesse. A pessoa bem informada é ativa, comunicativa, está com a mente em constante atividade.
ler
A reação do cérebro estimulado pela leitura foi tema de pesquisa realizada pelo Instituto Nacional da Saúde e Pesquisa Médica, na França. No lobo temporal esquerdo do cérebro, uma região atrás da orelha é ativada com a finalidade de levar a pessoa a entender o que lê, possibilitando sua viagem através das palavras. Com relação aos analfabetos, porém, a conclusão dos cientistas foi de que este circuito natural não foi ativado porque seus cérebros não “aprenderam”, por falta de ensino, a interpretar as letras como sinais. De acordo com o coordenador da pesquisa, o psiquiatra Rafhael Gaillard, essa região é mais facilmente ativada quando o assunto tem enfoque emocional.
Em outra pesquisa, desta vez pela Universidade de Sussex, Inglaterra, descobriu-se que, através da leitura, é possível aliviar a tensão diária. A explicação para isso é também simples. O cérebro está totalmente voltado à interpretação do que está sendo lido. O corpo parece transferir toda sua atenção para as áreas cerebrais e visuais, deixando os músculos e coração mais relaxados.
Quando está envolvido com um bom livro, o leitor desliga-se dos cinco sentidos físicos para um local e momento só dele, onde sua fantasia e criatividade possam atuar livremente. Como resultado, a sensação de prazer e bem-estar aumenta. Isso repercute na saúde e pode evitar problemas futuros, consequências de preocupações e estresse.
E não é preciso muito tempo para se dedicar a um bom livro. Seis minutos dedicados a uma leitura, permitem que se dê “asas à imaginação” e com isso, um desligamento, por instantes, do assunto. Funciona como uma trégua para que a pessoa controle sua emoção e ordene seus pensamentos e, assim, possa reassumir suas atividades. Uma boa noite de sono, por exemplo, pode começar com trinta minutos de leitura, que deixarão a mente livre do estresse diário e com isso possa se preparar para um novo dia. A leitura é importante em qualquer idade. Com o envelhecimento, muitas pessoas tendem a tornar-se inativas não só fisicamente, mas intelectualmente seu repertório parece diminuir. A perda de memória, geralmente mais associada ao mal de Alzeimer, muitas vezes, é decorrente apenas da idade. Se não for estimulado, o cérebro torna-se “preguiçoso” e com isso as informações vão caindo no esquecimento e o homem acaba por aceitar isso como um processo natural de seu envelhecimento.
A leitura é um ótimo estimulante para o cérebro, para o coração, para o fígado, para a afetividade, enfim, para um bem-estar geral e uma boa qualidade de vida. O homem é o que lê. Se nada lê, terá sua mente atrofiada e não conseguirá realizar-se como ser. Mas se utilizar bons livros, terá seus horizontes ampliados e sua capacidade de integração e interação, com tudo e com todos, será única. 

Fontes:

www.correiodabahia.com.br
www.euqueroler.com.br
Revista Viva Saúde nº 77 



1) Moderno Dicionário de Economia - 742 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa voltada para os termos da velha e a nova Economia e demais áreas correlacionadas.

No intuito de enriquecer o conteúdo deste “Moderno Dicionário de Economia”, faz parte desta obra, os termos voltados para a Globalização, Crises Financeiras, Bolsa de Valores, Petróleo e outros. Esta primeira edição é composta de 2.300 verbetes. O dicionário foi escrito no ano 2000.

2) Petróleo e Gás Natural - 680 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa e o conhecimento sobre  o Petróleo e Gás Natural, bem como suas aplicações para o consumo.

No intuito de enriquecer o conteúdo, faz parte desta obra: A História do Petróleo, O Petróleo no Mercado Brasileiro e Internacional, O Gás Natural, Os Dutos no Brasil, A Organização dos Países Exportadores de Petróleo e o Fundo Monetário Internacional no Mercado de Petróleo, Estatísticas de Produção e Reservas Mundiais de Petróleo e Gás Natural, Cronologia do Petróleo, Glossário de Termos Técnicos, Glossário de Termos Geológicos e muito mais.

O livro foi escrito no ano 2003. Tem grande importância para os profissionais, estudantes e todas as pessoas interessadas no conhecimento sobre os importantes recursos naturais de nosso planeta que poucos conhecem a sua origem e suas aplicações.

3) A Crise Financeira Internacional na Era da Globalização - 349 páginas

Quando estourou a crise asiática no dia 23 de outubro de 1997 em Hong Kong, e a crise russa no dia 17 de agosto de 1998, noticiada pela mídia e pelos jornais de todo o mundo, como economista, despertou-me o interesse pelo assunto, e comecei a fazer o acompanhamento diário dos problemas econômicos e financeiros que abalou os países ricos e emergentes.

A preparação deste livro está baseada na extração dos fatos históricos mais importantes que aconteceram durante a trajetória das crises, no período entre de outubro/97 e janeiro/99. O livro foi escrito no ano 2000.

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa em cima dos fatos ocorridos durante a trajetória das crises, registrando as influências nos “mercados de ações”  no mundo globalizado, bem como as conseqüências diretas nos países ricos e emergentes.
É uma obra de fatos históricos nas áreas econômica e financeira, ocorridos no final do século 20, que servem como fontes de estudos, debates e conclusões entre os profissionais e estudantes da área.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, o exemplo prático de como acontece o ataque especulativo num determinado país; a Análise em relação às Bolsas de Valores, feita pelo economista canadense naturalizado americano, John Kenneth Galbraith; a Comparação entre as crises de 1929, 1987 e 1997; as Crises e os blocos econômicos; Perguntas e respostas sobre os aspectos econômicos na trajetória da crise financeira internacional; e o Glossário de economia.

4) Pesquisas Geográfica, Demográfica e Econômica-Social dos Continentes e Países - 772 páginas

O livro foi escrito no ano 2001. Tem como objetivo, a importância das pesquisas nas áreas geográficas, demográficas e econômica-social de cada continente e país, com informações de supra importância para estudantes secundários, universitários, e empresários com interesse na expansão dos seus negócios no comércio internacional.

É uma obra composta de várias estatísticas importantes e informações sobre a cronologia da crise financeira internacional que começou pela Ásia em 1997, os blocos econômicos e o meio ambiente.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, informações sobre as organizações internacionais que participam do desenvolvimento econômico de cada nação.

Você encontrará também outros excelentes Livros e E-books para  melhorar ainda mais os seus conhecimentos e cultura.

Boa Leitura!

Obrigado pela sua visita e volte sempre!

Hélio Cabral

heliocabral@coseno.com.br

terça-feira, 19 de setembro de 2017

O Intelecto

Caro Leitor(a),

É através da leitura que desenvolvemos o nosso intelecto, o desenvolvimento pessoal e o profissional.


Segue o resumo  de  livros disponibilizados para compra neste Site.

1) Moderno Dicionário de Economia - 742 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa voltada para os termos da velha e a nova Economia e demais áreas correlacionadas.

No intuito de enriquecer o conteúdo deste “Moderno Dicionário de Economia”, faz parte desta obra, os termos voltados para a Globalização, Crises Financeiras, Bolsa de Valores, Petróleo e outros. Esta primeira edição é composta de 2.300 verbetes. O dicionário foi escrito no ano 2000.

2) Petróleo e Gás Natural - 680 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa e o conhecimento sobre  o Petróleo e Gás Natural, bem como suas aplicações para o consumo.

No intuito de enriquecer o conteúdo, faz parte desta obra: A História do Petróleo, O Petróleo no Mercado Brasileiro e Internacional, O Gás Natural, Os Dutos no Brasil, A Organização dos Países Exportadores de Petróleo e o Fundo Monetário Internacional no Mercado de Petróleo, Estatísticas de Produção e Reservas Mundiais de Petróleo e Gás Natural, Cronologia do Petróleo, Glossário de Termos Técnicos, Glossário de Termos Geológicos e muito mais.

O livro foi escrito no ano 2003. Tem grande importância para os profissionais, estudantes e todas as pessoas interessadas no conhecimento sobre os importantes recursos naturais de nosso planeta que poucos conhecem a sua origem e suas aplicações.

3) A Crise Financeira Internacional na Era da Globalização - 349 páginas

Quando estourou a crise asiática no dia 23 de outubro de 1997 em Hong Kong, e a crise russa no dia 17 de agosto de 1998, noticiada pela mídia e pelos jornais de todo o mundo, como economista, despertou-me o interesse pelo assunto, e comecei a fazer o acompanhamento diário dos problemas econômicos e financeiros que abalou os países ricos e emergentes.

A preparação deste livro está baseada na extração dos fatos históricos mais importantes que aconteceram durante a trajetória das crises, no período entre de outubro/97 e janeiro/99. O livro foi escrito no ano 2000.

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa em cima dos fatos ocorridos durante a trajetória das crises, registrando as influências nos “mercados de ações”  no mundo globalizado, bem como as conseqüências diretas nos países ricos e emergentes.
É uma obra de fatos históricos nas áreas econômica e financeira, ocorridos no final do século 20, que servem como fontes de estudos, debates e conclusões entre os profissionais e estudantes da área.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, o exemplo prático de como acontece o ataque especulativo num determinado país; a Análise em relação às Bolsas de Valores, feita pelo economista canadense naturalizado americano, John Kenneth Galbraith; a Comparação entre as crises de 1929, 1987 e 1997; as Crises e os blocos econômicos; Perguntas e respostas sobre os aspectos econômicos na trajetória da crise financeira internacional; e o Glossário de economia.

4) Pesquisas Geográfica, Demográfica e Econômica-Social dos Continentes e Países - 772 páginas

O livro foi escrito no ano 2001. Tem como objetivo, a importância das pesquisas nas áreas geográficas, demográficas e econômica-social de cada continente e país, com informações de supra importância para estudantes secundários, universitários, e empresários com interesse na expansão dos seus negócios no comércio internacional.

É uma obra composta de várias estatísticas importantes e informações sobre a cronologia da crise financeira internacional que começou pela Ásia em 1997, os blocos econômicos e o meio ambiente.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, informações sobre as organizações internacionais que participam do desenvolvimento econômico de cada nação.

Você encontrará também outros excelentes Livros e E-books para  melhorar ainda mais os seus conhecimentos e cultura.

Boa Leitura!

Obrigado pela sua visita e volte sempre!

Hélio Cabral

heliocabral@coseno.com.br

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

A Leitura e o Nosso Intelecto

Caro Leitor(a),

A leitura de bons livros, enriquece o nosso intelecto e, faz muito bem para os nosssos neurônios.


Segue o resumo  de  livros disponibilizados para compra neste Site.

1) Moderno Dicionário de Economia - 742 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa voltada para os termos da velha e a nova Economia e demais áreas correlacionadas.

No intuito de enriquecer o conteúdo deste “Moderno Dicionário de Economia”, faz parte desta obra, os termos voltados para a Globalização, Crises Financeiras, Bolsa de Valores, Petróleo e outros. Esta primeira edição é composta de 2.300 verbetes. O dicionário foi escrito no ano 2000.

2) Petróleo e Gás Natural - 680 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa e o conhecimento sobre  o Petróleo e Gás Natural, bem como suas aplicações para o consumo.

No intuito de enriquecer o conteúdo, faz parte desta obra: A História do Petróleo, O Petróleo no Mercado Brasileiro e Internacional, O Gás Natural, Os Dutos no Brasil, A Organização dos Países Exportadores de Petróleo e o Fundo Monetário Internacional no Mercado de Petróleo, Estatísticas de Produção e Reservas Mundiais de Petróleo e Gás Natural, Cronologia do Petróleo, Glossário de Termos Técnicos, Glossário de Termos Geológicos e muito mais.

O livro foi escrito no ano 2003. Tem grande importância para os profissionais, estudantes e todas as pessoas interessadas no conhecimento sobre os importantes recursos naturais de nosso planeta que poucos conhecem a sua origem e suas aplicações.

3) A Crise Financeira Internacional na Era da Globalização - 349 páginas

Quando estourou a crise asiática no dia 23 de outubro de 1997 em Hong Kong, e a crise russa no dia 17 de agosto de 1998, noticiada pela mídia e pelos jornais de todo o mundo, como economista, despertou-me o interesse pelo assunto, e comecei a fazer o acompanhamento diário dos problemas econômicos e financeiros que abalou os países ricos e emergentes.

A preparação deste livro está baseada na extração dos fatos históricos mais importantes que aconteceram durante a trajetória das crises, no período entre de outubro/97 e janeiro/99. O livro foi escrito no ano 2000.

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa em cima dos fatos ocorridos durante a trajetória das crises, registrando as influências nos “mercados de ações”  no mundo globalizado, bem como as conseqüências diretas nos países ricos e emergentes.
É uma obra de fatos históricos nas áreas econômica e financeira, ocorridos no final do século 20, que servem como fontes de estudos, debates e conclusões entre os profissionais e estudantes da área.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, o exemplo prático de como acontece o ataque especulativo num determinado país; a Análise em relação às Bolsas de Valores, feita pelo economista canadense naturalizado americano, John Kenneth Galbraith; a Comparação entre as crises de 1929, 1987 e 1997; as Crises e os blocos econômicos; Perguntas e respostas sobre os aspectos econômicos na trajetória da crise financeira internacional; e o Glossário de economia.

4) Pesquisas Geográfica, Demográfica e Econômica-Social dos Continentes e Países - 772 páginas

O livro foi escrito no ano 2001. Tem como objetivo, a importância das pesquisas nas áreas geográficas, demográficas e econômica-social de cada continente e país, com informações de supra importância para estudantes secundários, universitários, e empresários com interesse na expansão dos seus negócios no comércio internacional.

É uma obra composta de várias estatísticas importantes e informações sobre a cronologia da crise financeira internacional que começou pela Ásia em 1997, os blocos econômicos e o meio ambiente.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, informações sobre as organizações internacionais que participam do desenvolvimento econômico de cada nação.

Você encontrará também outros excelentes Livros e E-books para  melhorar ainda mais os seus conhecimentos e cultura.

Boa Leitura!

Obrigado pela sua visita e volte sempre!

Hélio Cabral

heliocabral@coseno.com.br

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Benefícios da Leitura

Caro Leitor(a),

A leitura é uma atividade que traz vários benefícios, não só para a saúde física, como também para a mental. Além de estimular a criatividdade, a leitura expande o vocabulário e o conhecimento estimulando a imaginação, de modo que o leitor olhe o mundo de um modo diferente.


Segue o resumo  de  livros disponibilizados para compra neste Site.

1) Moderno Dicionário de Economia - 742 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa voltada para os termos da velha e a nova Economia e demais áreas correlacionadas.

No intuito de enriquecer o conteúdo deste “Moderno Dicionário de Economia”, faz parte desta obra, os termos voltados para a Globalização, Crises Financeiras, Bolsa de Valores, Petróleo e outros. Esta primeira edição é composta de 2.300 verbetes. O dicionário foi escrito no ano 2000.

2) Petróleo e Gás Natural - 680 páginas

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa e o conhecimento sobre  o Petróleo e Gás Natural, bem como suas aplicações para o consumo.

No intuito de enriquecer o conteúdo, faz parte desta obra: A História do Petróleo, O Petróleo no Mercado Brasileiro e Internacional, O Gás Natural, Os Dutos no Brasil, A Organização dos Países Exportadores de Petróleo e o Fundo Monetário Internacional no Mercado de Petróleo, Estatísticas de Produção e Reservas Mundiais de Petróleo e Gás Natural, Cronologia do Petróleo, Glossário de Termos Técnicos, Glossário de Termos Geológicos e muito mais.

O livro foi escrito no ano 2003. Tem grande importância para os profissionais, estudantes e todas as pessoas interessadas no conhecimento sobre os importantes recursos naturais de nosso planeta que poucos conhecem a sua origem e suas aplicações.

3) A Crise Financeira Internacional na Era da Globalização - 349 páginas

Quando estourou a crise asiática no dia 23 de outubro de 1997 em Hong Kong, e a crise russa no dia 17 de agosto de 1998, noticiada pela mídia e pelos jornais de todo o mundo, como economista, despertou-me o interesse pelo assunto, e comecei a fazer o acompanhamento diário dos problemas econômicos e financeiros que abalou os países ricos e emergentes.

A preparação deste livro está baseada na extração dos fatos históricos mais importantes que aconteceram durante a trajetória das crises, no período entre de outubro/97 e janeiro/99. O livro foi escrito no ano 2000.

Esta obra tem como objetivo, a importância da pesquisa em cima dos fatos ocorridos durante a trajetória das crises, registrando as influências nos “mercados de ações”  no mundo globalizado, bem como as conseqüências diretas nos países ricos e emergentes.
É uma obra de fatos históricos nas áreas econômica e financeira, ocorridos no final do século 20, que servem como fontes de estudos, debates e conclusões entre os profissionais e estudantes da área.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, o exemplo prático de como acontece o ataque especulativo num determinado país; a Análise em relação às Bolsas de Valores, feita pelo economista canadense naturalizado americano, John Kenneth Galbraith; a Comparação entre as crises de 1929, 1987 e 1997; as Crises e os blocos econômicos; Perguntas e respostas sobre os aspectos econômicos na trajetória da crise financeira internacional; e o Glossário de economia.

4) Pesquisas Geográfica, Demográfica e Econômica-Social dos Continentes e Países - 772 páginas

O livro foi escrito no ano 2001. Tem como objetivo, a importância das pesquisas nas áreas geográficas, demográficas e econômica-social de cada continente e país, com informações de supra importância para estudantes secundários, universitários, e empresários com interesse na expansão dos seus negócios no comércio internacional.

É uma obra composta de várias estatísticas importantes e informações sobre a cronologia da crise financeira internacional que começou pela Ásia em 1997, os blocos econômicos e o meio ambiente.

No intuito de enriquecer o conteúdo do livro, faz parte desta obra, informações sobre as organizações internacionais que participam do desenvolvimento econômico de cada nação.

Você encontrará também outros excelentes Livros e E-books para  melhorar ainda mais os seus conhecimentos e cultura.

Boa Leitura!

Obrigado pela sua visita e volte sempre!

Hélio Cabral

heliocabral@coseno.com.br

terça-feira, 5 de setembro de 2017

Venda de Livros e E-books: Pesquisas científicas comprovam que o hábito de le...

Venda de Livros e E-books: Pesquisas científicas comprovam que o hábito de le...: Caro Leitor(a), Decifrar, compreender, generalizar, sintetizar ou até mesmo propor hipóteses são funções superiores da mente, usadas d...

Pesquisas científicas comprovam que o hábito de ler promove o desenvolvimento do cérebro

Caro Leitor(a),

Decifrar, compreender, generalizar, sintetizar ou até mesmo propor hipóteses são funções superiores da mente, usadas durante a leitura. Talvez por isso, pesquisas científicas realizadas nos Estados Unidos – Universidade de Stanford ­– e na França – Unidade de Neuroimagiologia Cognitiva do Instituto Nacional Francês de Saúde e Pesquisa Médica (Inserm/Comissão de Energia Atômica e de Energias) comprovam que a leitura faz bem ao cérebro.
No Brasil, além de reconhecer a importância da prática, é celebrado o 12 de outubro como Dia Nacional da Leitura, instituído pela Lei nº 11.899, de 8 de janeiro de 2009, que instituiu, também, a Semana Nacional da Leitura e da Literatura.
“Um jovem, uma criança que lê, amplia seu vocabulário, seu conhecimento, sua redação e escrita”, observa o ministro da Educação, Mendonça Filho. “O conhecimento abre janelas para um mundo desconhecido, que é ampliado a partir da boa leitura.”
Cérebro – De acordo com a professora e escritora Lucília do Carmo Garcez, doutora em linguística aplicada, a leitura é fundamental para o desenvolvimento do ser humano. “É como se fosse uma expansão do cérebro”, diz. Ela faz uma comparação com o aprendizado audiovisual, no qual a pessoa age de forma mais passiva. “Na leitura, é preciso ativar diversas camadas de reflexão para compreender.”
Escritora de livros infantis há mais de 20 anos, Lucília destaca a necessidade de uma alfabetização sólida para transformar uma pessoa em leitor. “É importante assegurar que as pessoas tenham uma alfabetização bem consolidada e, depois disso, é preciso que a sociedade valorize a leitura”, afirma.
Além do acesso aos livros, a escritora salienta a importância de as escolas contarem com bibliotecas e de as crianças frequentarem esses espaços. Outras atividades, como feiras de livros e debates com escritores, são citadas. “É preciso que as crianças vejam os leitores lendo e que sejam motivadas a procurar leituras com respostas às indagações interiores que elas têm”, destaca.
Sempre envolvida com o estímulo à leitura, Lucília também visita escolas e conversa com as crianças sobre os mais diversos temas, dentre eles, as temáticas de seus livros. Dentre suas últimas publicações está Tonho e os Dragões, sobre um menino com leucemia. A obra foi escrita para o Hospital da Criança. Outro livro recente é Palavras Mágicas, sobre uma criança que sonha estar em um tapete mágico. Ela desce em um parque de diversões sem bilheteria. Tudo é feito por meio de palavras e boas maneiras, como por gentileza, por favor, com licença, eu gostaria e muito obrigado. A escritora faz parte do grupo Casa de Autores.
Fábulas – Com a mesma vontade, a professora Heucionéia Rocha Bassetto desenvolve projetos na Escola Estadual José dos Santos, da rede de ensino do município paulista de Jales. No ano passado, um dos projetos, Na Trilha das Autorias Misteriosas, foi selecionado entre os ganhadores do Prêmio Professores do Brasil. Este ano, o projeto Fábulas promove leitura, escrita e revisão textual.
O resultado da iniciativa foi uma coletânea de fábulas, feita pelos alunos do quarto ano do ensino fundamental e entregue para a sala de leitura para fazer parte do acervo da escola. “Para o aluno escrever um texto de qualidade ele precisa saber o porquê de escrever esse texto. Quem vai ler o texto? Onde ele vai circular? Qual gênero e qual vai ser a estrutura desse texto? Tudo isso foi trabalhado”, garante a professora.
“Esse projeto tem um propósito didático, porque neles os alunos se sentem parte do processo e do trabalho, se sentem responsáveis pelo que estão fazendo”, acrescenta Heucionéia, ao afirmar que com metas as crianças se envolvem com mais entusiasmo nos projetos.
“Dá gosto de fazer a leitura dos textos produzidos por eles. Trabalham com descrições de cenário, de personagem, marcadores temporais e até técnicas discursivas para evitar a repetição de elementos de ligação”, completa Heucineia Rocha Bassetto, ao comentar a qualidade dos textos produzidos pelos futuros escritores.

“Ler é aprender e é ampliar as oportunidades de educação para as crianças, jovens e adultos também. Ler é uma excelente prática que deve ser cada vez mais cultivada por todos nós”, conclui o ministro.
Assessoria de Comunicação Social
Confira a Lei nº 11.899, de 8 de janeiro de 2009 - Institui o Dia Nacional da Leitura e a Semana Nacional da Leitura e da Literatura.



Obrigado pela sua visita e volte sempre!

Hélio Cabral
heliocabral@coseno.com.br

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

4 benefícios que a leitura traz para o cérebro (e para a vida)

Caro Leitor(a),

1. Melhora o funcionamento do cérebro
São inúmeras as pesquisas que comprovam que ler aumenta as conexões neurais, fazendo com que o cérebro funcione melhor. É como fazer ginástica, só que para a cabeça! Além disso, uma pesquisa da Universidade Emory, dos EUA, descobriram que ler afeta nosso cérebro como se realmente tivéssemos vivenciado os eventos sobre o qual estamos lendo. 
Outro estudo dos EUA também descobriu que a redução do funcionamento do cérebro, na velhice, pode ser reduzida em cerca de 30% se a pessoa mantiver hábitos de leitura, além de proteger contra doenças como o mal de Alzheimer. Ler também faz com que a receptividade à linguagem aumente no cérebro – o que facilita na hora de aprender um idioma novo, por exemplo.
2. Estimula a criatividade
Você fica mais inteligente quando lê muito, e também melhora a escrita e seu vocabulário. Disso você já sabe. Outra habilidade que se desenvolve mais é a da criatividade: quando lemos um livro em estilo romance, por exemplo, a capacidade de imaginar o cenário em que a ação se desenvolve, além da imagem física dos personagens, leva a criar um outro mundo dentro de nossas cabeças.
O mais legal é sempre buscar ler livros que mostrem uma época muito diferente da nossa – um clássico inglês do século 19, por exemplo – ou um outro mundo, literalmente – experimente as versões em livro de sucessos da fantasia, como Harry PotterO senhor dos aneis ou Game of Thrones. Com toda a certeza sua mente vai viajar e você voltará à sua realidade como se tivesse de fato visitado outro planeta. 😛
3. Incita o senso crítico
Por que o mundo é como é? Por que você pensa como pensa? Perguntas do tipo são comuns quando você começa a questionar a vida e a sociedade, ou seja, quando começa a desenvolver seu senso crítico. O mais incrível da literatura é que, nos introduzindo a realidades e épocas diferentes, ela acaba suscitando reflexões que talvez não teríamos se ficássemos sempre presos ao nosso cotidiano e à nossa rotina fixa. Ler abre a mente, e isso pode te tornar uma pessoa melhor. Provavelmente, também por causa do próximo – e último – item.
4. Provoca empatia
Empatia é uma capacidade bastante em falta no mundo, e consiste basicamente em compreender e se solidarizar, emocionalmente, com um outro alguém. E um estudo publicado na revista Psychology Today provou que a leitura tem esse exato efeito: aumentar nossa capacidade de sentir empatia. A razão é um pouco óbvia: quando estamos lendo, nos conectamos com a realidade de outro alguém (mesmo que seja fictício) e podemos entender o que é ser aquela outra pessoa. Literalmente, sabemos o que é estar no lugar dela e que tipo de sentimentos essa pessoa têm, talvez tão diferente de nós mesmos.
Fonte: http://guiadoestudante.abril.com.br


Obrigado pela sua visita e volte sempre!

Hélio Cabral
heliocabral@coseno.com.br

terça-feira, 29 de agosto de 2017

A leitura nos torna hábil

Caro Leitor(a),


Através da leitura nos tornamos mais hábil em todos os aspectos. Não deixem de ler bons artigos e livros tambem.

Boa leitura!

Obrigado pela sua visita e volte sempre!


Hélio Cabral
heliocabral@coseno.com.br